Internet banda larga em São José do Belmonte é com Infotech Telecom, ligue: (87) 99611-7566

Cristiano Ronaldo bate Messi e é o melhor do mundo pela quarta vez

Postado por

Jogador foi eleito o melhor jogador do mundo de 2016 em premiação realizada em Zurique, na Suiça



O português Cristiano Ronaldo foi eleito pela Fifa o melhor jogador do mundo de 2016. Protagonista de temporada quase perfeita pelo Real Madrid e pela seleção portuguesa, tendo conquistado a Liga dos Campeões, o Mundial de Clubes e a Eurocopa (título inédito em seu país), Cristiano venceu o prêmio pela quarta vez em sua trajetória, aproximando-se assim do argentino Lionel Messi, segundo colocado, que já conseguiu cinco troféus da federação internacional.

O vencedor recebeu 34,54% dos votos. Segundo colocado, Messi terminou com 26,42% e Griezmann, o terceiro, com 7.53%. Nesta segunda-feira (9), Cristiano Ronaldo recebeu o troféu "The Best", criado pela Fifa depois que a "Bola de Ouro" voltou a ser entregue apenas pela revista "France Football" -que também foi dada ao português em dezembro do ano passado. A cerimônia de entrega ocorreu em Zurique, na Suíça, onde fica a sede da Fifa.

Além dos troféus conquistados pelo clube espanhol e pela seleção de seu país, o português acumulou feitos individuais na última temporada. Foi vice-artilheiro do Espanhol, com 35 gols, atrás de Luiz Suárez (40); e artilheiro da Liga dos Campeões, com 16.

Em 2008, Ronaldo venceu tanto o prêmio de "Melhor Jogador do Ano", da Fifa, como a "Bola de Ouro", da "France Football". Em 2013 e 2014, o português voltaria a ser eleito o melhor do mundo, com os troféus unificados.

A perseguição de Ronaldo a Messi está cada vez mais acirrada, e o português tem chances de alcançá-lo já na próxima temporada. Depois da conquista do português em 2008, Messi venceu em 2009, 2010, 2011, 2012 e 2015, abrindo distância considerável -em 2012, chegou a emplacar vantagem de 4 a 1.

OBSESSÃO PELA VITÓRIA

Nas últimas semanas, a Folha de S.Paulo entrevistou pessoas que conviveram com Cristiano em Lisboa e Madri, e elas destacaram a relação particular do craque com o pódio e horror que ele tem às derrotas.

Atleta desde criança e desde então fixado na ideia de ser o melhor, seu retrato se assemelha ao dos heróis dos épicos gregos, descritos na antiguidade pelo empenho em destacar-se, mas também pelo seu descomedimento.

Cristiano Ronaldo deixou Portugal em 2003 para jogar no Manchester United, da Inglaterra, onde ficou até 2009. O atacante em seguida concretizou seu sonho de jogar no Real Madrid, da Espanha.

Mas os laços com o país natal seguem firmes. As testemunhas de seus feitos ouvidas pela reportagem em Portugal, assim como seus fãs, demonstravam afeto pelo jogador. Já se fazia planos, em dezembro, sobre onde acompanhar o anúncio do troféu de melhor do mundo.

Cristiano Ronaldo se distingue do arquirrival Messi por já ter conquistado o próprio país. Messi ainda parece precisar se provar na Argentina, mas CR7 tem Portugal no lugar da bola: aos pés.

OUTROS PREMIADOS

No feminino o prêmio de melhor jogadora foi entregue à americana Carli Lloyd, do Houston Dash. Ela derrotou a brasileira Marta, do Rosengard, e a alemã Melanie Behringer, do Bayern de Munique. Este foi o segundo troféu consecutivo da jogadora, que também desbancou Marta no ano anterior.

A premiação do gol mais bonito trouxe decepção aos brasileiros. Com um gol de falta, em fevereiro, pelo Penang F.C, da Malásia, o malaio Mohd Faiz Subri ficou com o prêmio Puskás. O brasileiro Marlone, do Corinthians, se tornou o primeiro brasileiro a chegar entre os finalistas e ser derrotado.

O primeiro brasileiro a ganhar o prêmio foi Neymar, em 2011, após marcar um belo gol pelo Santos sobre o Flamengo. Em 2015 foi a vez de Wendell Lira, que marcou na partida entre seu ex-clube, o Goianésia, e Atlético-GO, pelo Campeonato Goiano. Entre os técnicos, o italiano Claudio Ranieri, que levou o Leicester ao título do Campeonato Inglês, foi eleito o melhor do mundo.

A seleção da Fifa, composta dos melhores jogadores do ano para a Fifa, ficou assim: Manuel Neuer; Daniel Alves, Gerard Piqué, Sérgio Ramos e Marcelo; Luka Modric, Toni Kross e Andrés Iniesta; Lionel Messi, Luis Suárez e Cristiano Ronaldo.

Do BelmonteDIÁRIO com informações da folhapress
Leia mais notícias em belmontediario.com.br, siga nossas páginas no Facebook e no Twitter . Você também pode enviar informações à Redação do BelmonteDIÁRIO por email envienoticias@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9958-0208 | 9 9102-0292.

MAIS NOTÍCIAS

logoblog


Notícias relacionadas

messi 4038285260673453862
item